Pesquisar este blog

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Rosca Coroa de Rei

Doce Lembrança dos Natais com Vó Doca


Já devo ter dito em alguma postagem por aqui que venho de família simples, de classe média, mas de um caráter e bondade inigualáveis.
Orgulho-me muito de minhas raízes e do aprendizado que adquiri.
Natal para nós era coisa divertida, mas muito séria.
Uma das coisas que mais me marcou era a preocupação da minha avó em presentear as amigas e vizinhas com as quais tinha uma relação de carinho.
Como não podia sair comprando presentes, lembro-me da cozinha cheirando bem e muitas roscas dessas saindo. 
Embrulhadas em papel celofane colorido, era assim que ela desejava Boas Festas a todos e nós, as netas, levávamos os presentes com cartões de casa em casa.

O tempo passou e essa tradição se perdeu depois que ela se foi.
Essa tarde, feriado manso, deitei para cochilar e sonhei com ela, rodeada de Coroas de Rei.
Não deu outra: levantei-me e fui direto pra cozinha.
Chamei minha prima Ana Catarina, sua filha e neta e juntas matamos saudade daquela figura linda, cozinheira de mão cheia... nossa Avó Doca.


RECEITA

MASSA

1 quilo de farinha de trigo
2 copos de leite morno
3 ovos
50 g de fermento biológico
4 (sopa) colheres de açúcar
1 colher (café) de sal
1 gema para pincelar

Coloque pela ordem: o fermento, o açúcar, sal, os ovos e o leite.
Vá adicionando farinha de trigo até dar ponto.
Sove bem!

RECHEIO

100 g de manteiga
4 colheres de sopa de açúcar
Uvas passas (opcional)
Nota: minha avó não usava as uvas, só a manteiga e açúcar.


MODO DE FAZER

Abra a massa com o rolo, passe o recheio como na foto.
Enrole como um rocambole.


Divida a massa em partes iguais (umas seis ou sete mais ou menos)


Coloque os pedaços em pé em uma forma untada e enfarinhada, de buraco no meio e espere crescer.


A massa praticamente dobra de volume.


Pincele gema de ovo por cima e leve para assar em forno moderado até que doure.


Chame as amigas, as primas, as vizinhas, ou coma sozinha mesmo.
É uma delícia!

Bom Apetite!

4 comentários:

  1. Ficou Linda! Realmente, de comer com os olhos! Adorei as lembranças dos momentos com sua avó! Sei bem o que é isso, coisas de família! Natal era sagrado tbm na casa de meus pais, era de ir na base de umas 30 pessoas para a ceia! E gostei da ideia de dar como presente! Vou copiar e fazer! Bj

    ResponderExcluir
  2. Que bela lembrança , que atitude linda da sua avozinha ...sinto falta destas coisinhas simples e singelas ,eu tambem tenho lindas lembranças meu paizinho logo pela manha colocava o disco de natal na "vitrola" tinhamos 3 , ai o dia todo tocava a musica de natal , a arvore linda cheia de bolinhas de vidro alegrava o canto da sala , os pratos que minha mazinha fazia todos os anos se repetia e acordavamos com cheirinho debolo de festa e café fresquinho , corriamos até a arvore e cada um recebia seu presente de acordo com o seu empenho escolar ...nossa tempo bom meu DEUS ....esta rosca parece divina , nao sabia que tinha que pincelar gema minutos antes de desligar o forno ótima dica ...obrigada pela receita e pelas lembranças ....bjinhoss lindo dia pra ti ....

    ResponderExcluir